Gabriel Cruz

O processo criativo é estranho. Estranho não, como ousam? Como ousam me deixar usar essa palavra, que de certo só é mais precisa do que “interessante”, sem me punir? Sem nem mesmo comentar a mediocridade dessa minha escrita? Como pode? Que alguém ainda diga “interessante” sem ser taxado de estranho…

--

--

Gabriel Cruz

Gabriel Cruz

Computer Science student at University of São Paulo. OSS/Linux enthusiast, trailing spaces serial killer, casual pentester